segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

" SUA AUSÊNCIA "

Ouço a sua voz e sinto sua respiração, sinto tantas coisas que é difícil resistir... Sua presença é tão forte que as vezes eu acredito realmente que você está aqui. Por isso te escrevo como jamais te escrevi, te falando das ilusões que na sua ausência eu senti, te falar o quanto eu preciso de você e o quanto dói ficar sem te ver.  Na sua presença o meu peito fica aliviado, o coração se encanta e os olhos choram emocionados... Muitas vezes falamos coisas que machucam sem querer, detalhes que parecem sem importância, mas que ganham destaques sem a gente perceber se transformando em armadilhas tão perigosas quanto areias movediças que quanto mais a gente se mexe mais nos enterramos nela. Por isso se eu errei me perdoa, pois nas vezes que você errou eu sempre levei numa boa. Perdoa este que te ama e tudo que quer é te amar, eu sei que as vezes palavras ditas no momento errado só fazem quem te ama sofrer e se magoar, e magoada(o), trazem à tona ressentimentos e sentimentos adormecidos que o tempo não curou, que o tempo não conseguiu cicatrizar... Por tudo que já passamos e pelo que ainda vamos passar, eu só te peço uma chance, não apenas pra mim, mas sim, pra nós dois, para esse sentimento que pulsa em nossas veias corpo alma e coração. Ps: Eu te amo de todas as formas e maneiras. Se você ficar com receio e não querer arriscar, saiba que eu estarei sempre aqui a sua espera, pronto pra você.



Autor: Caire Barcelos