domingo, 22 de abril de 2012

Desabafo

Das tristezas, que corromperam meu coração.

Das mágoas, que me puzeram em dúvidas.

Das alegrias, que me fizeram chorar mais do
que sorrir.

Dos momentos em que algumas palavras
poderiam ser ditas, mas ficaram siênciadas.

Das lições que foram dadas de uma forma
quase rígida, mas aleatóriamente jogadas
ao vento.

Não foi tão doloroso, do que não deixar trans-
parecer todo seu carinho e afeto.

A vida passa como o tempo e voa igualmente
como ele, se não é aproveitada, fica sepultada
no esquecimento do que foi.

Quem perde tempo, querendo promover quem
não merece, corre o risco de perder, aquelas que
sempre o apoiaram e nunca pediram nada em
troca, apenas a sua atenção, que sempre foi
ausente.

Das suas mentiras, achei a minha verdade,
enquanto vivias na ilusão, me magoavas
o coração, mas me empurravas para a
realidade.



Autor: Cairê barcelos

Coração magoado

Magoado, não consegue perdoar, pois sofreu
por muito tempo, por demais amar.

Magoado, com seu sentimento ferido, não sabe
por qual razão, ele fora atingido.

Mágoas, é um sentimento ruím de se livrar, no
fundo o amor não morreu, mas está preso pelas
mágoas que o enfraqueceu.

O amor continua vivo, mas às mágoas não o
deixa brilhar, para o amor tudo está perdoado,
mas as mágoas estão tão profundas, que o
coração não consegue curar.

O coração magoado, dói forte em qualquer
peito, só existe algo que o restaure, é vivendo
um "amor perfeito."

Quando o "amor perfeito" é encontrado, as
mágoas se desfaz, a alegria de viver é tanta
que a cada dia que passa ele quer viver mais.
E as mágoas que o atormentavam, para o
coração, não existem mais.



Autor: Cairê barcelos

terça-feira, 3 de abril de 2012

DE QUE VALEM AS PALAVRAS ?

De que valem as palavras, se não sabem explicar tudo
que eu sinto no meu coração.

De que vale o meu sentir, se eu não sei expressar com
palavras,todo o meu amor.

Quando fecho meu olhos,minhas lembranças me levam
até você, num tempo em que apenas com um olhar,
poupava-mos muitas palavras,muitos gestos,era apenas
nossos sentimentos compartilhados nos nossos olhares.

Então,de que valem as palavras, se não expressadas
com sentimentos, podem impedir que seu coração,
possa se expressar através de seus olhos.

De que valem as palavras?
Se com palavras eu não possa traduzir, todo amor que
tem no meu coração

Quem sabe eu faça uma canção,e nela você me ouvirar
dizer,que o tempo todo, eu fui um homem de muita sorte.
Sorte ésta que você me concedeu,quando se deixou ser
amada por mim.

De que valem as palavras?
Todas as palavras são válidas,desde que sejam traduzidas
e expressadas pelo coração,pois só ele tem a sabedoria e
sabe o caminho certo para chegar até a essência do amor.



Autor: Cairê Barcelos