domingo, 13 de outubro de 2013

" LIVRE PARA AMAR "

Me castigas, como quem castiga um cão que
mendiga um pouco de atenção.
Me devoras e me consomes, erras de propósito
meu nome, só para me ver sofrer.
Quando tomo coragem e te ameaço, você
faz de mim um palhaço, me tratando do
jeito que quer.

Todo dia me envolve ao chegar,e desfila com
seu corpo do seu jeito mais vulgar, não me
dando a menor chance e nem tempo pra pensar,
pois sabes que dessa maneira não tenho como
eu escapar.

Você me seduz com o seu amor, me aquecendo
com todo o seu calor para o meu coração
acalmar.
Mas hoje sinto que é outro dia, já não estou mais
 naquela agonia esperando você chegar.

Talvez eu esteja aos poucos perdendo o medo,
e quem sabe assim, do meu jeito eu possa me
soltar, e com isso recuperar a minha liberdade,
para enfim encontrar alguém que me ame de
verdade e que eu possa do mesmo jeito amar.
Mas para que tudo isso aconteça, escolhi não
sentir mais medo e você abandonar.

Agora longe de você, eu posso encontrar
alguém que não me torture e que possa me
amar.
E assim estarei novamente livre, para o amor
verdadeiro encontrar.

Autor: Caire Barcelos